domingo, fevereiro 08, 2009

O Peregrino (e o que eu aprendi com ele)

Vou unir uma recomendação de um filme e alguns pensamentos bem recentes em relação à minha fé. Gostaria que todos assistissem O Peregrino, um dos mais recentes filmes que, felizmente, está circulando o meio gospel nessa nova sede pela sétima arte.
Um "sem palavras" para o filme, que, de maneira grandiosa (na verdade a obra literária de John Bunyan), descreve a jornada do cristão até a morada celestial com Cristo. Assistam, tenho certeza que trará luz e entendimento a vocês como trouxe a mim.
Mudando o foco para a pessoa q vos escreve, gostaria de dizer que o começo do filme em particular, quando Cristão sai de casa sedento por conhecer a cidade celestial, e o Deus que o chamava, me fez entender o quão terrena é minha fé. Para que tenho fé em Deus? Pra conseguir um belíssimo emprego? Pra comprar coisas? Pra ter alguém especial do meu lado? Pra viver uma vida confortável por aqui? Cheia de músicas e filmes e lanches e saídas com pessoas legais? O que isso tem de essencial no Reino? O Reino é essencialmente espiritual, é aqui e é agora, mas é espiritual. O Reino é feito de vidas salvas, de edificação no corpo de Cristo. O reino também é feito "das demais coisas" lá de Mateus 6:33, mas elas não devem ser o meu foco. O foco é: "Buscai, pois, em primeiro lugar, o seu Reino e a sua Justiça." Mt 6:33a
Não sei se a minha exposição consegue traduzir o peso da revelação no meu coração. Mas enquanto eu assistia o filme, era como se esse entendimento fosse tomando espaço em meu pensamento e me mostrando que por muitas vezes eu coloco Deus na posição daquele q deve cuidar de todos os meus problemas e me fazer sentir sempre bem. Ele faz isso, mas não é por isso que devo servi-Lo. Devo servi-Lo por que Ele me deu a vida e ao mesmo tempo a resgatou. Devo servi-Lo porque Ele já fez demais por mim, Ele deu seu Filho precioso por mim, sem que eu merecesse.
Nessa caminhada há alguns bônus, como empregos, casamento, filhos, presentes que Ele dá porque me ama, e é um ótimo doador de presentes, ninguém presenteia como Ele (assunto para um outro post).
Todo esse desabafo é uma forma de fazer a verdade "assentar" dentro de mim, e, ao mesmo tempo, dar-me a oportunidade de conhecer o pensamento de outros a esse respeito.
Sei que parte dessa sensação de "shopping center" no Cristianismo de hoje, se dá por conta da sociedade em que vivemos. Mas Ele mesmo nos disse para não nos conformarmos com "esse século", mas renovarmos a nossa mente, mesmo que seja com coisas que alguns já descobriram há algum tempo. Como o John Bunyan que há tanto tempo escreveu esse livro numa prisão.

e veja bem o que a Palavra diz sobre isso:

"Se a nossa esperança em Cristo se limita apenas a esta vida, somos os mais infelizes de todos os homens." I Coríntios 15:19

10 comentários:

D@ni disse...

Oi, Catarina!
Tem um selinho pro seu blog lá no Blog do céu.Passa lá!
bjus
Dani

Éverton Vidal disse...

Oi Catarina! Não assisti esse filme ainda. Só li o livro há um bom tempo. Fiquei interessado.

Bj e boa semana!

Ps: Também sou leigo rs.

Juber Donizete Gonçalves disse...

Catarina,

O Peregrino é um clássico, já li o livro e espero ver o filme. Obrigado pela visita ao meu blog.

Graça e Paz.

Tati Rodrigues disse...

acho q este foi um dos posts q li aqui mais simples e sinceros... de fato o Reino está entre nós e foi do agrado do Pai dar-nos o Reino e revelar seus segredos aos pequenos... há uma canção que diz assim: 'se ele deu seu coração pq eu não posso dar o meu... se ele deu a sua vida pq eu não daria a minha'...

shalom guria... e prossiga conhecendo ao Senhor e recebendo as revelações de seu coração!

bjs

Sarah Toledo disse...

é difícil o exercício de fazer com que nossa fé não se limite apenas a essa vida. tantas coisas acontecem, tantos encontros e desencontros pra nos desviar do caminho, como foi com o Peregrino. mas Paulo não poderia dizer outra coisa sobre fé além disso, que nos limitarmos a esse mundo é sermos infelizes. então vamos olhar para o Reino, sim. é o que importa.

bjim.

Andréia disse...

ainda n vi + fikei curiosa

bjux

Éverton Vidal disse...

E agora sou acompanhante do seu blog.
Quando tiver um banner é só me avisar que posto no Re-novidade.

Bj!

Christianne disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Christianne disse...

vimos lado a ladoooo!!
filme massa msm....me fez almejar ainda mais a abnegação..
dá uma sacada neste blog miga:

http://olharcristao.blogspot.com/2007/12/igreja-cristan-da-china-iv.html

espero q seja útil de alguma forma pra este processo de crescimento constante do q é Reino de Deus..S2

Andressa ♥ disse...

Nossa, quero muito ver o filme! Agora que vc falou do quanto ele te edificou, quero mais ainda! É muito bom sentirmos algo novo, percebermos um erro a melhorar para nos aproximar mais do Pai. Glória a Deus! Beijos, fik c Deus