domingo, outubro 31, 2010

sobre Adão e Eva...

"Embora tenha conseguido dar nome a cada um dos milhares de animais que o Senhor havia feito desfilar diante dele, Adão não pôde dar nome à dor que estava sentindo em seus ossos. Mais tarde, ele a chamaria de solidão. Mas deve ter sido difícil entender o sentimento de estar só uma vez que quem produz a saudade - que é filha da solidão - ainda não existia.
Assim, antes de criar Eva, Deus teve ter colocado dentro de Adão um lugar vazio e solitário, que tinha a forma e o tamanho exatos dela.
Quando Eva foi finalmente apresentada a Adão, sua beleza pediu uma resposta, e ele então cantou sua primeira canção:

Esta, afinal, é osso dos meus ossos
E carne da minha carne."

de Michael Card em "Cristo e a Criatividade". (pág. 35-36. Editora Ultimato).

---------------

ler isso me deu vontade de atualizar um momento como esse nesse século.
creio que toda vez que alguém permite que Deus escreva sua história de amor, surge uma nova canção.
quero cantar e ouvir a minha.

Um comentário:

www.gloriosojesusblogger disse...

Amém, amiga! Tão lindo, imaginar essas cenas ..... cumprimentos.